"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

21 de fev de 2013

EM SILÊNCIO

minhas
orações
faço em silêncio
prosto
meus joelhos
no chão
me dispo
das minhas vergonhas
me coloco nu
diante do Pai
minhas
orações
faço no silêncio
eu
e Deus
confesso
meus pecados
falo dos meus medos
exponho
a Deus
meus desejos
penso
o quanto sou falho
e o quanto Deus
me faz forte
se tiver que chorar
choro
em seu colo
e rio
de mim
minhas orações
eu faço
antes do sol nascer
quando Deus
sorri
a doce brisa
da noite que finda
agradeço
e adormeço
em paz
no silêncio
de minha alma

VALE

tenho
passado
pelo vale das provações
pensei
há tempos
estar sozinho
carregando
meu fardo
de espinhos
esqueci
de olhar
para o céu
esqueci
de ver a beleza
das pedras
esqueci
de dobrar
meus joelhos
e orar
esqueci
de agradecer
só queria chegar
sair
deste lugar
deste vale
de provações
briguei
comigo
com o mundo
pisei em flores
praguejei
com a vida
cada dia mais
o vale me engolia
cada dia mais
eu me perdia
cada dia mais
não entendia
como é lindo
o caminho
que tenho percorrido
sei que há de chegar
o fim
e de braços abertos
o Pai espera por mim

CAMINHOS

como são tortuosos
os caminhos
que levam ao Pai
como as pedras
machucam
e os espinhos
arranham
penso
não conseguir
quantas
e tantas vezes
pensei desistir
largar
este caminho
mudar de rumo
abandonar
meu Pai
como são ardilosos
aqueles
que me querem
destruir
instigam-me
aos erros
provam
minha fé
me fazem
fraco
quando sei que sou forte
como são tortuosos
os caminhos
que levam ao Pai
sei que chegarei
agora sem pressa
agora
firme na certeza e no propósito
renovado
enfim
na minha fé em Deus
meu Pai

20 de fev de 2013

DONA

quero
tuas flores
teu perfume
de jasmim
quero tua
pureza
tua maldade
quero
tua pele
quero
tuas noites
teus sonhos
teus instantes
quero
me encontrar
nas esquinas
da tua vida
quero
ser teu norte
teu rio
teu mar
quero ser teu pecado
e tua salvação
quero arranhar
tuas costas
morder
teus lábios
beijar teus pés
amar-te
ainda que eu não saiba
bem
o que é amar
quero
tua imensidão
tua luz
quero que seja
dona
de mim

EU SAI DE MIM

eu sai
de mim
para ser outro alguém
que não era
e que nunca sonhei ser
eu sai
de mim
para ser héroi
e vilão
das minhas histórias
eu sai
de mim
para me descobrir
de novo
e me reinventar
e aprender
a amar
um novo mesmo
amor
de sempre
eu sai
de mim
para trilhar
uma nova estrada
para descobrir
uma nova estrela
um novo céu
eu sai
de mim
para testar
minha fé
para ver o sangue
escorrer
pelas minhas feridas
eu sai
de mim
para crescer
e poder dizer
amanhã
talvez
que eu vivi
eu sai
de mim
para me encontrar
em mim mesmo

CONTINUE AMANDO

continue amando
ame sempre
mesmo
quando tudo
ruir
continue amando
não deixe
o coração
sangrando
e mesmo que sangre
continue amando
ame sempre
ame demais
cada vez mais
ame a vida
ame-se
ame alguém
mesmo que esse alguém
não ame assim
tanto você
ame de dia
de noite
ame de madrugada
ame aos sábados
aos domingos
ame nos feriados
ame na dor
no sorriso
na felicidade
ame
e continue amando
essa é a oração
mais verdadeira
ame-se
ame alguém
ame
e continue amando sempre

LIVRAI-ME DE TODO MAL

livrai-me de todo mal
livrai-me daqueles que não sabem amar
daqueles que não sabem
o que é amor
livrai-me dos invejosos
dos rancorosos
dos maldosos
livrai-me de todo mal
livrai-me
da falta de paciência
da falta de humor
livrai-me dos corações
cheio de maldade
livrai-me
das chagas
de todas as pragas
livrai-me de mim
dos pensamentos
que muitas vezes
me invadem
livrai-me
da falta de fé
da falta de coragem
da falta de sonhos
de perspectivas
da falta de amor
livrai-me dos pesadelos
de toda angústia
de toda mágoa
de tudo o que possa me ferir
faz de mim o homem de ferro
mas deixa
em mim
o coração que ainda sente
e bate
e sangra
e livra-me de todo mal
amém

O QUE TIVER QUE SER SERÁ

pra que sofrer
esperar
querer
o que tiver que ser será
então
vou viver
amar
ser feliz
eu quero mais
não posso mais
ficar assim
perdido
o tempo todo
dentro de mim
pra que sofrer
chorar
querer morrer
o que tiver que ser será
não há ninguém
que mereça
minha morte
nem mesmo eu
não há ninguém
que mereça
sofrer
nem mesmo eu
então vou a forra
sair pra dançar
vou viajar
não vou mais
me pre-ocupar
do que não aconteceu
vou viver
meu hoje
vou amar
vou ser feliz
o momento
é agora
pra que sofrer
chorar
morrer
o que tiver que ser será

NÃO VOU MAIS

não vou mais
me desesperar
nem chorar
nem correr
nem amar demais
como sempre amei
não vou mais
ouvir melodias
que ouvia no vento
nem vou mais
pixar os muros
da minha rua
não vou mais
olhar para trás
não vou mais
me arrepender
nem sentir saudades
do tempo
que passou
não vou mais olhar
velhas fotografias
nem olhar
o passado
com a velha nostalgia
dos poetas
enlouquecidos
não vou mais
ficar no sol
não vou mais olhar
para a lua
não vou mais sonhar
acordado
não vou mais
perder a calma
e roubar de mim
os meus melhores
momentos

13 de fev de 2013

DEVO

agora sei
devo aceitar
calado
resignado
devo ficar quieto
sem brigar
sem falar
sem discutir
olhando
observando tudo
mero espectador
agora sei
o que Deus
quer de mim
minhas orações
minha renúncia
quer que eu aprenda
a lidar
com as diferenças
quer que eu entenda
que eu fique
que eu cresça
que eu não esmoreça
que eu seja forte
agora eu sei
devo ficar
olhando
sem explodir
minha ira
sem falar
sem sair andando por ai
devo ficar
olhar
quem sabe sorrir
é o que Deus quer de mim
que eu aprenda
a esperar
calado
certo
resignado
de joelhos
em oração

12 de fev de 2013

E SE

e se der errado
eu tentei
e se não for o que eu pensei
eu sonhei
e se eu acordar
eu pensei
e se acabar
eu arrisquei
eu vivi
eu busquei
que acreditei
e se não for nada disso
e se for diferente
de tudo
e se der certo
e se já deu
e se agora
for diferente
e se acontecer
e se doer
e se não doer
e se eu quiser
e se eu não quiser
e se Deus
e se eu me perder
e se enfim me achar
nada disso mais
importa mais
nada disso
mais
me faz
ser o que eu já fui
e se não for nada disso
e se for
não importa
meu hoje
me faz feliz
e se não for
tudo bem
já vivi

AGORA

agora
é deixar
vir um novo tempo
agora
é seguir
por este caminho
agora
é respirar fundo
olhar tudo
sentir
agora
é pensar
no amanhã
que irá chegar
e vislumbrar
uma nova aurora
um novo amanhecer
agora
é deixar
os velhos hábitos
as velhas manias
agora
é hora
de viver tudo
de novo
de novo
trilhar
um novo caminho
sentir
novos espinhos
respirar
novo ar
agora
é querer
que tudo dê certo

RENASCENDO


eu morri
morri
em mim
para renascer
diferente
de tudo o que já fui
eu morri
na minha fé
na minha crença vazia
e renasci
diferente
nos sonhos
no querer
no jeito de pensar
morri
no amor
que sempre acreditei
e renasci
num novo amor
ainda cheio
de todas as raizes
que o velho amor
deixou
eu morri
para renascer
fora de tudo
o que eu já tinha vivido
sem olhar para trás
arriscando
recomeçar
sem ter nada
malas vazias
mãos suadas
coração partido
parti
morri
para recomeçar
para renascer
de novo em mim
novos tempos
nova fé
nova maneira de acreditar
sem olhar para trás

sem olhar para trás