19 de dez de 2012

FECHO OS OLHOS

Fecho os olhos
E te vejo
Refletida
No espelho de minha vida
Fechos os olhos
E te acho
Sentada
No banco
Na beira de minha estrada
E te chamo
Para que viva
Um novo amor
Sem medo
De amar
Fecho os olhos
E te procuro
Na mesma estrada
Que sempre estive
E não olhei
Para trás
E não parei
E abri
Os olhos
E te encontrei
Sentada
No banco
Na beira do nosso caminho
Mãos estendidas
Esperando as mãos minhas