28 de mar de 2012

VOCÊ

eu sei
que tua vida
não é fácil
que mal
há tempo
para que lave
os cabelos
que mal há tempo
para você
respirar
e viver
e sentir
e quem  sabe
se entregar
eu sei
conheço
teus passos
tua vida
tua história
e vejo
você
sempre correndo
e torço
para que um dia
aceite
as asas que lhe dou
para que possa voar
eu sei
e quero que saiba
também
que não está mais sozinha
e que este fardo
não é mais só seu
é meu também