30 de jan de 2012

NÃO VOU

não vou pegar
no seu pé
nem posso
nem devo
quem sou
quem de todos
o seu maior
erro
não vou pegar
nas suas mãos
nem te mostrar
que caminho
seguir
não posso
não devo
se mostrar
você
vai cair de novo
em mim
não posso
querer nada
nem devo mais
ficar assim
prostado
em sua vida
quem sou eu
sou vento
que sopra
devagar
sou chuva
que chove
e que depois escorre
não posso
não devo
não vou fugir
de você

COMO ALGUÉM PODE

como alguém
pode
perder você
deixar
você fugir
eu sei
ninguém
é de ninguém
e daí
como alguém
pode
não querer
cuidar
de você
como pode alguém
não jogar
flores
quando passa
e carregar
você
no colo
quando chove
como pode
alguém
não ver
esse amor
todo que há em você
e deixar
você
assim
sem amor
de verdade
sem carinho
sem berço
sem ninho
como alguém pode
perder você

NÃO SE CALA

não se cala
fala
grita
me bate
me xinga
mas
não se cala
preciso
saber
como você está
mesmo
já sabendo
não se cala
me fala
me procura
me rasga
não me deixa
imaginar
não me deixa
perdido
sufocado
pela distância
não se cala
me fala
grita
me xinga
me bate
mas não me deixa
sem você
sem saber
como está
mesmo que eu saiba
me diz
não se cala

EU SÓ PENSO EM VOCÊ

eu só
penso em você
desde ontem
e agora
já não quero
mais pensar
em nada
eu só
penso em você
e fecho
os olhos
e sinto
teu beijo
inesquecível
beijo
só penso
na pele macia
no cheiro
eu só
penso em você
fecho os olhos
e escuto sua voz
e sinto
seu coração
eu só
penso em você
e sinto
você em mim
e sinto
ainda tudo
o que sentimos
mesmo
que amanhã
o mundo desabe
você está
em mim

A GENTE SABIA

a gente
sabia
que ia ser assim
e mesmo
assim
demos
as mãos
fechamos
os olhos
e pulamos
neste abismo
sem fim
a gente sabia
que não ia
dar pra voltar
asas
a gente
só tem nos
sonhos
só lá
a gente pode voar
a gente
sabia
que seria
assim
caminho sem volta
sem fim
e mesmo
assim
a gente
se embrenhou
nesta mata
e mesmo assim
a gente quis
e agora
não tem mais
como fugir

POR QUE

por que
eu não posso
ser feliz
por que
tenho
que me prender
me sentir
preso
por que tenho
que ficar
se quero
ir embora
pra outro lugar
que culpa
tenho
de gostar
assim
não mando mais
em mim
por que
não posso
querer
e amar
do meu jeito
do jeito
que sei
por que
tem que haver
dor
despedida
separação
por que não pode
só existir
amor
paixão
por que

EU PENSEI

eu pensei
que soubesse
lidar
com sentimentos
mas não sei
me sinto
menino
perdido
querendo colo
querendo
um abraço
um aconchego
eu
que soubesse
lidar
com meu coração
mas não sei
agora
me sinto
voando
e não quero
colocar
meus pés
no chão
nem quero parar
de sonhar
nem quero
voltar
para realidade
cruel
eu pensei
que soubesse
mas não sei

NÃO FALO MAIS

não falo mais
de você
pra mais ninguém
não falo
mais
teu nome
de guardo
pra sempre
dentro de mim
não falo
conto mais
o que sinto
não quero mais
dedos alheios
não quero
mais ninguém
entre nós
não falo mais
de você
a não ser
para minhas noites
para minhas poesias
para minha loucura
não falo mais
de você
só pra Deus
só pra você
não falo mais
seu nome
pelas ruas
você existe
agora e para sempre
somente dentro de mim

O QUE SERÁ DE NÓS

o que será
de nós
o que será
disso
tudo
de todos
os sentimentos
de todas
as verdades
ditas
o que será
de nós
em meio
a essa multidão
que nos olha
não queria
sentir
tuas mãos
soltando
das minhas mãos
não quero
que meu coração
deixe
de bater
dentro do teu peito
não quero
esquecer
do teu sorriso
da tua voz
da paz que há em ti
o que será
de nós
quando vier
a noite

PODE SER

pode ser
que amanhã
você
me diga não
me peça
pra sair
da sua vida
pode ser
que amanhã
só reste
a lembranças
de tudo
pode ser
que amanhã
cada um siga
sua vida
pode ser
que amanhã
restem
apenas
as pegadas
os rastros
deste amor
desta paixão
boa
que ficou
pode ser
que amanhã
você
me peça simplesmente
para ficar
de vez na sua vida
pode ser
tudo

VOCÊ

você
está no vento
no ar
você
está nos lábios
no beijo
no abraço
quente
você
está na memória
nas ruas
por onde passo
você
está nas flores
nas músicas
que ouço
você
está
em mim
cravada em mim
nos meus sonhos
nas minhas noites
nos dias
que sempre
nascerão
você
está na pele
na minha solidão
você
está
na minha vida
nas minhas promessas
no meu amanhã
na minha eternidade

EU ESTOU FELIZ

eu estou feliz
por ter encontrado
você
eu estou feliz
por ter
você
na minha estrada
eu estou feliz
por poder
andar
com você
por poder ouvir
você
por poder sentir
você
e ver você
me olhando
me procurando
eu estou feliz
por ter
você agora
no meu coração
eu estou
feliz
me sentindo vivo
ainda
que perdido
feliz
com você
sem querer
mais nada
mais ninguém
eu estou feliz
e não há ninguém

VEIO VOCÊ

veio você
e acalmou
meu coração
veio você
e me fez
perder a razão
veio você
pra me fazer
sonhar
enfim
um sonho bom
veio você
e adoçou
minha boca
aqueceu
meu corpo
me roubou
o chão
arrancou
minhas certezas
veio você
e me aceitou
exatamente
como sou
veio você
e me fez sorrir
me fez melhor
veio você
e me fez pensar
em tudo
veio você
e me devolveu
a alegria
de amar

LOGO EU

logo eu
que pensei
dominar
meu coração
logo eu
que achei
que não gostaria
tanto assim
gostei
e quis
e quero mais
logo eu
que nunca senti
saudades
nunca senti
ciúmes
nunca quis
me perder
logo eu
que achei
conhecer
os atalhos
as armadilhas
me vejo
agora
sem força
para lutar
sem coragem
para dizer não
perdi
a cabeça
perdi
a razão

TEU BEIJO

teu beijo
trouxe
de volta
vida minha
teu beijo
reacendeu
chama apagada
teu beijo
acalmou
minha pressa
me deu asas
me fez voar
me fez te querer
ainda mais
teu beijo
curou
as feridas
fez parar
de doer
todas as minhas
dores
teu beijo
molhado
cheio
de você
doce
terno
de todos
o único
que fez querer mais
o único
que não se esquece mais

E AGORA

e agora
como será
quando nos virmos
de novo
como será
ter que disfarçar
fazer
que nada aconteceu
e agora
como será
carregar
você
dentro
de mim
e agora
o que eu faço
com tudo
isso
nunca tive
medo
e agora
o medo
me domina
me deixa
fraco
sem saber
o que pensar
e agora
como será
o nosso amanhã

TANTA SAUDADE

nunca senti
tanta
saudade
nunca quis
tanto
alguém
como quis
e como quero
você
e essa saudade
tanta saudade
me machucou
e me fez feliz
mesmo assim
por lembrar
de tudo
o que foi dito
de tudo
o que foi sentido
fiquei
com vontade
de voar
não queria
para de sonhar
não queria
colocar
os pés no chão
nunca senti
tanta saudade
nunca doeu
tanto assim
a falta de alguém

26 de jan de 2012

CALADO

eu
não sei
ficar calado
diante
de tudo
o que sinto
eu não
sei
não demonstrar
o quão
importante
é você
pra mim
não sei
disfarçar
minha peneira
é pequena demais
para tapar
o sol
eu
não sei
ficar queito
no meu canto
meu gostar
é assim
menino ansioso
medroso
menino
que quer colo
quer dengo
precisa de um chamego
eu
não sei
gostar de outro jeito

PARADO

e eu
fico aqui
parado
esperando
uma notícia
sua
querendo saber
se você também
pensa em mim
e eu
fico aqui
querendo
um carinho
qualquer que seja
e eu
fico aqui
pensando
em tudo
remoendo
querendo
buscando saída
tentando
juntar
o que sobra
de mim
nesta minha
ânsia frenética
de querer
e eu
fico aqui
parado
esperando que me chame

QUE MEDO É ESSE

que medo
é esse
de perder
você
que medo
é esse
que angústia
é essa
que me atormenta
me escraviza
quero
crer
neste caminho
nesta ponte
neste sentimentos
tão ainda
inconstantes
que medo
é esse
medo
de tudo
que querer
é esse
que chega
sem pedir
licença
quem é você
que me deixou
deste jeito
cheio de manhas
cheio de medo
que medo é esse
de amar

NÃO ACABA

esse dia
que não acaba
essa noite
que é longa
as horas
que morrem
no relógio
essa distância
que não diminui
a vontade
que não passa
ferida
que não sara
querer
que aumenta
esse dia
que não clareia
essa noite
agora
eterna
sem sonhos
sem vento
não acaba
não me deixa
ir
me prende
rouba
minha paz
esse dia
essa vontade
que não acaba
essa noite
entre nós

HÁ TEMPOS

há tempos
não me sentia
assim
tão vulnéral
há tempos
não doia
essa dor
que conheço
bem
há tempos
não ficava
assim
perdido
tantas certezas
e certeza alguma
achei
que podia
controlar
minhas emoções
e perdi
pra mim
há tempos
não me sinto
menino
apaixonado
há tempos
minha boca
não sente
o doce gosto
da paixão
e meu coração
o calor
do velho
de sempre
há tempos

E VEM A NOITE

e vem a noite
impiedosa
noite
de tantas
tormentas
e faz girar
virar
rodar feito
peão
na cama
já sem lençol
e o pensamento
que não para
a cabeça
latejando
e ri
a noite
maldosa
trazendo
tantos sonhos
e deixando
a alma liberta
do corpo
e vem noite
embalar
meu desconforto
deixar
nu
diante dos meus pecados
e vai
a noite
saudosa
deixando
em mim
as tristes
cicatrizes
da insônia

DERREPENTE

derrepente
o abismo
tudo
fica assim
sem saída
tudo
derrepente
não há mais
o que falar
há só
o querer sentir
o pensar
o voar até
derrepente
nada mais
é igual
nada tem mais
a mesma
cor
o mesmo sabor
derrepente
o chão
desaba
e asas nascem
derrepente
um sorriso
um abraço
e o amor
impossível

22 de jan de 2012

DORMIR

quero
dormir
e sonhar
com você
quero
dormir
e ver
seu rosto
iluminado
pelo sorriso
simples
quero dormir
e sonhar
com você
de braços
abertos
me chamando
pra ficar
quero
dormir
e sonhar
com seus beijos
com seu
corpo
queimando
meu corpo
quero dormir
para que a noite
engula
esta minha ansiedade
e me leve
para bem longe
desta minha
insanidade
de querer você

SERÁ

será
que você
também
está pensando
em mim
será
que você
também
se sente
assim
será
que você
está
perdida
como eu
será
que você
conseguiu
entender
tudo isso
será
que você
continua
nesta estrada
ou volta
para o seu mundo
de verdades
certas
será
que você
enfim
vai se permitar
ou vai me dizer
que é melhor
parar

MESMO CAMINHO

agora
estamos
perdidos
no mesmo
caminho
nossas
mãos
estão
dadas
respiramos
o mesmo
ar
sentimos
as mesmas
emoções
de sempre
agora
estamos
no mesmo
caminho
sem ter
como voltar
com medo
de seguir
em frente
com medo
de soltar
as mãos
e se perder
agora
estamos
envolvidos
perdidos
neste momento
para sempre

ESPERO

espero
ansioso
o amanhã
chegar
para que tudo
fique
bem
espero
ansioso
por um novo
dia

para saber
de você
e ver o seu sorriso
seus passos
leves
espero
ansioso
você
chegar
e ouvir sua voz
e saber
se também
sentiu
a mesma saudade
que eu
espero
ansioso
o amanhã
chegar
para que as flores
exalem
novamente
seu perfume
e eu possa ver
de novo
meus olhos
e seus olhos

AGORA

por mim
agora
sairia
atrás
de você
e te pegaria
pelas mãos
e fugiria
para qualquer
lugar
agora
fecho
os olhos
pra te sentir
te ver
e tocar
tua pele
por mim
agora
deixaria
tudo
para trás
deixaria
tudo de lado
e pegaria
você
de surpresa
por mim
agora
estaria
em teus braços
estaria
com você
em qualquer lugar

VOCÊ NÃO VAI FUGIR

você
não vai
fugir
de mim
mesmo
que queira
você
não vai
escapar
dos meus
braços
depois
que cair neles
nem
vai querer
mais
estar em outro
lugar
você
não vai
fugir
depois
que minha boca
beijar
tua boca
depois
que estiver
em mim
não vai mais
escapar
nem querer
estar
em qualquer outro
lugar

TEU ABRAÇO

busco
há tempos
busco
teu abraço
teus beijos
os carinhos
teus
há tempos
me declaro
e falo
de sentimentos
enlouqueço
te busco
em todos
os lugares
e vou
atrás
de ti
esteja
onde estiver
e sigo
teus passos
e invado
teus sonhos
busco
há tempos
um amor
como
o teu
e agora
não vou mais
te deixar partir

VOU TE DAR FLORES

vou
te dar flores
quando menos
esperar
quero
ver o teu sorriso
teu jeito
tua cara
de surpresa
vou
deixar
seu mundo
bagunçado
de pernas
para o ar
vou
te dar
flores
espalhar
flores
por todo teu caminho
vou
fazer
a brisa
da madrugada
invadir
teu quarto
e beijar
tua face
vou
te dar flores
para que nunca
mais esqueça
de mim

QUALQUER AMOR

qualquer
amor
é bom
é bom demais
é intenso
forte
verdadeiro
qualquer
amor
vicia
entorpece
faz bem
qualquer
amor
faz voar
faz rir
qualquer
amor
encanta
faz songar
faz querer
faz morrer
de saudades
qualquer amor
seja
ele qual for
qualquer
amor
é bom demais

21 de jan de 2012

POR QUE NÃO

por que não
ser feliz
e viver
e querer
por que não
ousar
e deixar
acontecer
por que
querer sempre
a mesmice
dos dias
cinzas
e um arco-íris
sem cores
e as flores
sem perfume
por que não
plantar
novas flores
e desenhar
nas nuvens
e brincar
de ser feliz
por que não
esquecer por um
momento tudo
e fugir
para um lugar
qualquer
e ficar alí
por que não
querer
o querer que não se pode
por que
morrer
sem querer ter vivido
por que não
viver

DERREPENTE

e derrepente
a gente
gosta
derrepente
a gente
quer
derrepente
a gente
se olha
e se vê diferente
derrepente
palavras
derrepente
querer
e derrepente
a gente sente
falta
e quer
e busca
derrepente
a gente
tenta explicar
e fingi
que não quer
e derrepente
as bocas
se encontram
os braços
se abraçam
e derrepente
sem querer
a gente
não consegue
mais parar
e não quer mais
esquecer
e não quer dizer
adeus
e derrepente
a gente acorda
feliz
para sempre

LOUCA

te quero
louca
te quero
confusa
perdida
dependente
viciada
te quero
rindo
sorrindo
e lembrando
te quero
feliz
te quero
a todo momento
mesmo
quando não
mais estivermos
juntos
te quero
a boca molhada
o corpo
quente
arrepiado
te quero
desejo solto
te quero a voz
trêmula
perturbada
insana
te quero
como nunca
alguém te quis
te quero
em mim
e para sempre feliz

SAUDADE

gosto
do gosto
da saudade
do gosto
que fica
gosto
de parar
e viajar
no tempo
gosto
de pensar
em cada palavra
dita
gosto
de reler
o que escrevemos
na vida
um do outro
gosto
do gosto
da saudade
gosto
da sensação
de felicidade
que invade
sem pedir
licença
gosto
de ficar
olhando as mesmas
estrelas
do teu céu
gosto
do gosto
da saudade de você

EU QUERO

eu quero
te pegar
no colo
te balançar
deitar
no seu colo
te fazer sonhar
eu quero
o possível
uma tarde
de brincadeira
um beijo
um abraço
um momento
de silêncio
eu quero
meus olhos
mergulhem
nos seus
e meu corpo
fique no seu
sem pressa
e sem qualquer
hora
eu quero
te fazer rir
sem parar
quero escrever
e te fazer pensar
para sempre
em mim
quero
deitar em seu colo
e dormir
sem pressa
quero
te encontrar
feliz
no dia que tivermos
que dizer adeus
e para sempre vivermos
na saudade

E SE EU MORRER

e se eu morrer
quero
ter vivido
tudo
meus sonhos
e minhas loucuras
meus desejos
e minhas fantasias
e se eu morrer
assim
derrepente
não quero
ter deixado nada
incompleto
inacabado
quer ter a certeza
que fui
feliz
que fiz feliz
qualquer pessoa
e as pessoas
que eu amei
e se eu morrer
antes
do amanhã
chegar
que está noite
seja a mais
linda de todas
e que eu possa
deixar a sensação
de tudo
o que eu aprendi
e ensinei
e se eu morrer
saberei
que fui o que sempre
quis ser

GOSTOSO

gostoso
é olhar
para trás
e ver
pegadas
gostoso
é acordar
e lembrar
e sorrir
gostoso
são momentos
que não se apagam
momentos
que ficam
momentos
gostoso
é não perceber
a vida
acontecendo
o amor
transformando
e tudo
tudo
de melhor
gostoso
é ler no silêncio
dos olhos
o que as palavras
não conseguem
dizer
gostoso
é querer
ainda mais
tudo de novo

VOAR

voar
é bom demais
enlouquecer
é melhor
ainda
se perder
em pensamentos
e se perder
no querer
mais gostoso
voar
é bom demais
e gostar
e querer
e sair
na chuva
e não sentir
a chuva molhar
e rir
à toa
do que não tem
graça
voar
é bom demais
e lembrar
a cada instante
dos risos
e momentos
vividos
voar
é bom demais
enlouquecer ainda mais
e gostar
e querer
e lembrar

AQUI

Estou aqui
Agora
Respirando
Vivo
No meu mundo
Em silêncio
Podendo sentir
Tudo
Pensando
Em tudo
Estou aqui
Deixando
Que o tempo
Passe
Agora devagar
E eu possa
Relembrar
De tudo
Sem pressa
Alguma
Estou aqui
De pés
No chão
Feliz
Consumido
Por dentro
Por tudo
O que me fez feliz
E me faz
E me tira
Daqui deste mundo meu

2 de jan de 2012

DOCE MISTURA

To agora
Brigando
Com minha razão
Ela pede
Para eu não
Ouvir
Meu coração
Que chora
Desesperado
Para que eu não escute
A razão
Doce mistura
Do querer
Sem querer
Do poder
Sem poder
Da vida
Do sonho
To agora
No fio da navalha
Na corda bamba
Sem mais
Conseguir fugir
Sem mais conseguir parar
Entre minha razão e o coração

BEM QUE EU QUERIA

Ficar quieto
Te deixar
Passar
Fingir
Que não te vejo
Não te olhar
Bem que queria
Andar
Por aí
Sem te procurar
Dormir
E não te sonhar
E não te querer
E nem eu sei
Porque
Te quero
Bem que eu queria
Que tudo
O que sinto fosse
Verdade
Que tudo o que imagino
Desse certo
Acontece
Bem que eu queria
Que te mundo fosse o mesmo que o meu

EU SÓ QUERO SER EU

Não quero
Ser o príncipe
Encantado
Nem o sapo
Eu só quero
Ser eu
E mais ninguém
Te gostar
Do meu jeito
Se puder
Escrever
E rasgar meu coração
E te encher
De poesia
E canção
E te cantar
E me encantar
E me deixar levar
Pelo teu vento
Pelo encanto
Que me encanta
Não quero nada além
Eu só quero ser eu
Sem mentiras
Sem rascunhos

CONTANDO

Estou
Tentando viver
Levar
Minha vida
Como sempre
Levei
Sem você
Nada mais
É igual
Nada mais
É para sempre
Nem nunca
Foi
As cores mudam
As flores murcham
E eu
Vou vivendo
Disfarçando
O que sinto
Para o mundo
Esperando
Contando
O tempo
As horas
Pra te ver de novo chegar

ONDE ESTÁ VOCÊ

Talvez
De frente para o mar
Talvez
No campo
No sertão
No interior
De mim
Eu sei
Que parte
De ti
Está em mim
Está no vento
Na lembrança
Que não se apaga
Na sensação
Que não passa
Na ilusão
Que não se desfaz
No sonho
Das noites
Agora mal dormidas
Onde está você
Talvez nos braços
De alguém
E eu aqui pensando onde está você

NÃO QUERO TENTAR ENTENDER

Que força
É essa
Que nos empurra
Sei lá
Já não quero
Tentar entender
E nem quero
Pensar
Para não enlouquecer
O mundo
Imenso
Eu agora
Do lado teu
Que coisa
É essa que atrai
Que impulsiona
Não quero
Saber
Nem quero mais
Tentar entender
Só me resta viver
Ou fugir
E não olhar mais
Para trás
E deixar, coisa que nunca fiz

FICO AQUI PENSANDO

Como
Vai
Quando
Eu chegar
E encontrar teu sorriso
Escondido
E te ver
Ali
Tão perto
Talvez
Eu corra
Talvez
Eu morra
De alegria
Com certeza
Talvez
Eu derreta
Talvez eu me
Perca
Talvez
Eu fique
Sem saber
O que falar
Disfarçando o olhar
Querendo só te ver

LEMBRA DE MIM

Quero que lembre
De mim
Sem querer lembrar
Quero
Que meu
Nome
Ecoe
Em suas lembranças
Quero
Que me busque
Que me encontre
Mesmo
Sem querer
Quero
Estar em todos
Os cantos de
Você
Quero
Estar no ar
Que invade
Seus pulmões
Quero estar
No vento que toca
Sua pele
Quero meu eu em você