6 de nov de 2011

PAREDES

as paredes
estão sujas
cheias
de bolor
cheia
do meu eu
impregnado
cheias
do meu tédio
e da minha
depressão
cheia
do meu mau
humor
cheia
das minhas
ranhuras
das minhas
rasuras
as paredes
estão marcadas
descascadas
riscadas
estão cheias
da minha
intolerância
estão cheia
de mim
cheias
de tudo
ruidas
em ruinas
as paredes
estão
ali ainda...