25 de out de 2011

VOU

vou aos
poucos
me descobrindo
em ti
vou me vendo
em teus olhos
vou me vendo
perdida
em ti
vou devagar
mergulhando
na doçura da tua
paixão
vou aos poucos
ficando sem saída
vou devagar
entregando
meu coração
vou me sentindo
de novo capaz
de amar
de gostar
de querer
de novo vou me sentindo
parte do mundo
logo eu que achava
não ter sorte
no amor
me vens tu
e me levas
e eu
vou