"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

23 de out de 2011

VOCÊ NÃO SABE

você não sabe
nada de mim
não sabe
da minha vida
dos meus dias
das minhas dores
dos calos dos meus dedos
da minha solidão
você não sabe
do meu amor
não sabe
o gosto do amargo
da minha boca
você não sabe
nada de mim
apenas supõe
apenas deduz
pela própria vida
pela vida que leva
você não sabe
quais são de verdade
as minhas verdades
e nem entende
as mentiras
que não conto
você não sabe nada
nada de mim
e nada de você
nada da vida que levo
não sabe dos desamores
das minhas constantes
dores de cabeça
que falo das amarguras
com as paredes
você não sabe
que rio
sozinho
você não sabe nada
da vida que levo
da vida que sonho levar
você não sabe