4 de out de 2011

ÚLTIMO SOL

há nuven
o último sol
se põe
há chuva
e as poeiras
se acalmam
há nada
e o sol
desperta
cheio de vergonha
sem graça
o último sol
do meu despertar
pode ser que amanhã
não exista mais sol
ou haja sol
e eu não exista mais
há nuvens
e o que não há mais
são incertezas
muito menos
lembranças
do último sol