25 de out de 2011

TIMIDEZ

deixe
de lado
essa timidez
do corpo
deixe
de lado
a timidez
dos seus sentimentos
não há mais razão
a noite
também vem nua
deixe
fora
do mundo
tudo que não seja nosso
jogue
fora o medo
das palavras
fique em silêncio
deixe
o amor agir
deixe
o amor
guiar seus instintos
deixe a noite
cobrir com seu corpo nu
seu corpo
também nu
deixe de lado
a timidez
e abrace cada instante
desse instante
deixe a noite
desnudar seu corpo
para que nossos corpos
perpetuem no infinito
tudo o que sentimos