22 de out de 2011

SONHOS

Deixei
Todos os meus sonhos
Guardados
Na gaveta
Tranquei-os e joguei
Fora as chaves
Pude então
Ver a vida como ela é
Sem máscaras
Sem maquiagem
Pude enfim
Ver a vida
Sem as fantasias
Que inventei
Para viver melhor
Meus dias
Deixei
Esquecidos
Meus sonhos
Para que enfim
Pudesse viver
Sem ter porque me machucar
Já me machuquei demais
Caminhos