23 de out de 2011

SEMPRE

sempre foi assim
sempre
abri
os caminhos
sempre descobri
fendas
nunca tive medo
não tenho medo
de enfrentar
meus medos
sempre foi assim
sempre
fui atrás
da menina mais bonita
sempre
quis ser o melhor
mesmo não sendo
para mim eu era
sempre foi assim
sempre fiz
o que achava que era certo
nunca fui de escutar
conselhos
sempre derrubei
as árvores do meu caminhos
com as minhas mãos
nunca usei machados
nunca desisti
sempre houveram pedras
e sempre houve em mim
destino certo
sempre foi assim