2 de out de 2011

DIAS

HÁ DIAS
ESPERO
QUE CHEGUE
O FIM
O FIM DE TUDO
O FIM DE MIM
HÁ DIAS
CONTO AS HORAS
CONTO OS PASSOS
NAS ESQUINAS
POR ONDE ANDO
VEJO
OS OLHOS
CAÍDOS
DOS QUE ME OLHAM
HÁ DIAS
JÁ NÃO VEJO
GRAÇA
NA GRAÇA QUE NÃO HÁ
E NÃO TENTO
ME CONTER
DE TODAS AS INJÚRIAS
NEM TENTO
PERDOAR
MEUS PRÓPRIOS PECADOS
NÃO ESPERO MAIS NADA
HÁ DIAS
SÓ QUERO O FIM
DE TUDO
HÁ DIAS
SÓ QUERO O FIM DE MIM