"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

23 de out de 2011

APRENDI A TE AMAR

aprendi
a te amar
te amar assim
como és
doce
e intempestiva
suave
e vendaval
cheia de risos
e de lágrimas
cheia
de certezas
e inseguranças
aprendi
a te amar
sem olhar mais
as nossas diferenças
sem ligar mais
para o que passou
aprendi
a te olhar
do meu jeito
e a entender também
o teu jeito de amar
não culpa
e nem culpados
não inocentes
aprendi
a te amar
agora mais calado
e mais certo de mim
em rodeios
sem rodamoinhos
aprendi
a te amar
para que possa te amar
sem medo
porque vejo em ti
partes vivas
do meu eu
doce
intempestivo