23 de set de 2011

TE OLHO

Te olho
Apenas
Te olho
E te olho
E apenas
Te olho
Não digo nada
Penso
No que seria
Não poderia
Ser
Te olho
Apenas
Te olho
E imagino
A cena
Fico
Entre a loucura
E a sanidade
Fico
Entre ir
E esperar
Que venhas
Ao meu encontro
Porque
Eu que assim
Seria
Feliz
Por um momento
Te olho
Apenas te olho
E contemplo
A tua beleza
Tão distante de mim