23 de set de 2011

SOU EU

Sou eu
Em ti
Do jeito
Que quiser
Do modo
Que imaginar
Não sou
Santo
Nem sou cura
Nem pouco
Remédio
Sou loucura
Instante
Que não acaba
Sede que
Não passa
Sou
Em ti
Como vento
Como brisa
Fazendo-te
Voar
Além
Das nuvens
Do teu céu
Sou
Eu ti
Como pecado
Como redenção
Como diabo