21 de set de 2011

PERDOA-ME

perdoa-me
pelas palavras
sentidas
pelos
meus constantes
momentos
de loucura
ainda
não sei apenas
sentir
ainda
não sei
guardar
o que sinto
as palavras
explodem
perdoa-me
por sentir
e gostar
e me alimentar
do impossível
perdoa-me
por te querer
assim
tão perto
perdoa-me
se ainda
não fui capaz
de arrancar
de vez
meu coração
tudo é mais
forte
que euperdoa-me
por este sentir