22 de set de 2011

NÃO ACORDAR

Às vezes
Eu queria
Não acordar
Queria
Que a noite
Se fizesse
Eterna
Ou mais longa
Do que o normal
Queria
Que os sonhos
Se tornassem
Verdade
Queria
Ter a certeza
Que Deus
Olha para mim
Por mim
Às vezes
Eu queria
Sumir
Na estrada
Sair em disparada
E me largar
Num lugar qualquer
Às vezes
E quantas
Vezes eu não queria
Ser mais eu
Eu queria
Evaporar
Sem deixar
Nada de mim