3 de ago de 2011

SEMPRE

a mulher
é
e sempre
de todas
a mais
perfeita
poesia
às vezes
incompreendida
a mais
profunda
intensa
fantasiada
de sorriso
e quantas
vezes
de dor
a mulher
é
e sempre será
inspiração
para meus versos
para meus poemas
tão sem sentido
a mulher
será
sempre
vestida
da noite
e das madrugadas
frias
e quentes
em teu corpo
a mulher
sempre
será primavera
tera
sempre
estampado
o sorriso
a mulher
sera
sempre a menina
moleca
cheia
de manhas
e artimanhas
aquela
que pede colo
e aconchega
a mulher
será sempre
a paz
e o desespero
o ceú
e o mais
doce de todos
os infernos