17 de ago de 2011

O COMEÇO DO FIM

um dia
tudo acaba
vira cinza
dissolve
derrete
um dia
você acorda
e nada mais
é igual
as pessoas
mergulhadas
em seus prantos
as flores
todas
mortas
no jardim
todos os corações
rasgados
e os sentimentos
jogados fora
o começo
do fim
de tudo
não há mais
amor que cure
não há mais
nada que faça
querer