22 de ago de 2011

ATÉ ONTEM

até
ontem
eu precisava
de ti
sentia
tua falta
te buscava
ainda em mim
hoje
descobri
que posso
andar sozinho
descobri
um novo eu
depois de ti
já não preciso
te esperar mais
não preciso mais
que me escrevas
nem preciso mais
chorar
tua ausência
agora
definitiva
ainda dói
a solidão
e a cama vazia
eu sei
até ontem
eu morria
hoje
já não morro mais
por ti