25 de jul de 2011

NÃO POSSO

não posso
pensar
se este
meu amanhã
vem
ainda
carregado
com as cinzas
do ontem
não posso
pensar
se tudo o que
vivi
foi em vão
não busco mais
certezas
nem quero mais
tormentas
nem em mim
sentimentos vazios
que me importa
o que já passou
o que já vivi
não posso deixar
que as cinzas
do ontem
sobrem ainda
vivas
no dia de hoje