25 de jul de 2011

FIM

e eu
que pensei
ter chegado
no fim
acordo
renovado
em mim
cheio
da mesma vontade
de plantar
por ai
essas sementes
e eu
que pensei
ter morrido
todas as minhas
esperanças
neste novo
amanhã
que nasce
eu que pensei
não ser capaz
de abrir
de novo
as janelas
da minha alma
encontro-me
novamente
cheio
da mesma vida
e da mesma
inspiração
fonte
que não se esgota
e eu
que pensei
ter chegado
no fim de mim