1 de abr de 2011

“Pávio Curto”

Fico
Quieto
Não
Brigo
Não me arma
Não incendeio
Não mexa
Comigo
Que eu grito
Eu brigo
Eu pego
Fogo
Coloco fogo
Sou feito
De pólvora
Pávio
Curto
Não reajo
Não me alarmo
Não mexa
Comigo
Que eu risco
Agito
Viro temporal
Não
Peço
Não entro
Se entrar
Não saio