31 de mar de 2011

“Pobre Deus”

Pobre Deus
Já não sabe
Mais o que fazer
Perdido
Entre nós
Atônito
Com tanta
Maldade
Perplexo
Com os erros
De tua criação
Pobre Deus
Que ainda
Acreditava
No amor
Como salvação
Chora
Hoje
De tristeza
De decepção
Ver seus filhos
Se matando
Pobre Deus
Solitário
E sem mais
Poder
Rezando
Pelo que será
De todos nós