13 de mar de 2011

não vou
me censurar
não vou
ficar
quieto
sem escrever
que pena
que ainda
não entende
que pena
ainda
distorcerem
sentimentos
não vou
para de escrever
não vou
mudar
o jeito
que falo
que penso
sei
que não vou agradar
o mundo
eu nem tenho
essa pretensão
nunca tive
quero apenas
escrever
deixar fluir
como sempre fiz
não vou
me censurar
direi sempre
o que penso
escreverei
sempre o que digo