11 de mar de 2011

és ainda
no meu dia
o sol
és ainda
na minha vida
o amor
que me sustenta
és ainda
ainda
meu caminho
minha prudência
és
minha comunhão
minha confissão
minhas verdades
és ainda
o que faz
meu coração
bater
disparar
és ainda
quem
me faz sorrir
és ainda
quem me
faz voltar
a beleza
que vejo
a saudade
que sinto
és ainda
quem me faz
escrever
quem entende
meus tormentos
meus delírios
és ainda
e sempre serás
minha rosa
preferida