26 de mar de 2011

“E o vento levou”

E o vento
Levou
De mim
Teu nome
Tua história
E apagou
Minha memória
E o vento
Levou
Tuas folhas
Rabiscadas
Teus versos
Teu perfume
E não deixou
Que ficasse
Nada em seu
Lugar
Nada substituiria
Tua presença
E tuas
Palavras
Ainda que calada
E o vento
Levou
De vez
Tudo de ti
De mim
Nada ficou
Só o vento restou