20 de mar de 2011

"Agora eu tô bem louco"

Agora
Eu sou
Eu
Agora
Eu to bem louco
Cheio
De vida
Com sangue
Nos olhos
Cheio
De verbos
Inflexíveis
Cheio
De palavras
Ácidas
Agora
Eu sou
Eu
Sem métrica
Rasgado
De peito
Aberto
Nesse espaço
Que conheço
Bem
Sem volta
Sem caminho
Agora sou
Agora eu to bem louco