16 de fev de 2011

juro
eu não queria
ser assim
me encantar
de cara
com a beleza
que vejo
como se fosse
eu menino
carente
juro
não queria
fantasiar
não queria
voar
nesses meus sonhos
loucos
queria
ser mais contido
mais centrado
nessa
minha loucura
juro
não queria ser
assim
um poeta
apaixonado
extremamente
apaixonado
pela beleza
que vejo
passar por mim