29 de jul de 2010

TATO

gosto
de olhares
e de tato
gosto
de tocar
de olhar
e de sentir
gosto
da respiração
ofegante
do de sentir
de fazer
a pele arrepiar
gosto
de estar
o boca me seduz
o beijo
me fascina
a língua úmida
o corpo
quente
gosto
de ver
olhar
gosto mesmo
é de tocar
tocar a pele
puxar de leve
os cabelos
gosto
da boca
na boca
gosto
da boca perdida
tato
pele
desejo