"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

28 de jul de 2010

CALMO

ando calmo
demais
meus quarenta
me deixaram assim
entendi
que não há mais
pressa
entendi
que tudo
agora passa
mais depressa
eu não quero
correr
ando calmo
já não brigo
já não falo
mais os palavrões
que antes dizia
já não não profano
mais
minha razão
deixei
de lado
sentimentos
deixei de lado
coração
nada mais
nem ninguém é capaz
de roubar
minha calma
minha paz
ando calmo
sereno
meus quarenta
me deixaram assim