25 de abr de 2010

COMPARAÇÕES

nunca
fui
nem nunca
serei
igual a ninguém
trilho
sempre
caminhos diferentes
amo
um amor que é meu
não preciso
de referências
nem de aulas
nem que me mostrem
o que a vida
já tratou de me ensinar
nunca fui
espelho
nunca fui degrau
nem escada
de ninguém
sou o que sou
serei sempre
assim
decidida
amante da minha vida
dona
das minhas rédeas
dos meus sentimentos
nunca fui
nem nunca serei
igual a ninguém
e ninguém
nunca igual a mim
nem ao meu amor
nem ao que sinto
nunca fui
nunca serei